ALICE

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Second Birthday tickers

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

"Então, como é ser mãe?"

Já me fizeram esta pergunta várias vezes desde que a Alice nasceu. Eu fico sem saber o que responder...
Não sei definir o sentimento e acho que não nos sentimos completamente mães a primeira vez que ouvimos o seu choro à nascença, nem quando a temos nos nossos braços, nem quando já passaram uns dias e a temos em casa.
Acho que ser mãe é um processo longo no tempo. Não aparece do dia para a noite ligado a apenas um acontecimento isolado. É algo que se constrói no dia-a-dia, que se modifica ao longo do tempo, moldando-nos a cada acontecimento, a cada sorriso ou choro do nosso filho.
Uma coisa já sinto: é uma preocupação constante pelo bem-estar de alguém de faz parte de nós e que depende totalmente de nós.
Hoje, pela primeira vez, a Alice bolsou nos meus braços, jorrando o leite em excesso que tinha no estômago. No mesmo instante as lágrimas cobriram-me o rosto como se a minha filha estivesse a sofrer...
Ser mãe hoje não é o mesmo que ser mãe no dia de ontem ou de anteontem. Ser mãe, para mim, ainda está por definir, por sentir e por aprender...

3 comentários:

Anita disse...

e algo que vai crescendo todos os dias mais e mais, e uma preocupação constante, com tudo, com as colicas, com o que mamam e o que nao mamam, e se o peso nao aumenta, sao as primeiras papas, os primeiros passos, o medo de se magoarem.
o nosso coração sofre demasiado, e uma ansiedade imensa, mas é muito, muito bom, quando eles sorriem para nos, a primeira vez que dizem mãe, e uma emoção enorme.
aproveita todos os bocadinhos com a tua alice, aproveita bem, mesmo bem, pois passa tudo num instante, daqui há uns meses vais sentir tantas saudades dela mamar, de estar nos teu braços, de nao fugir de ti.
aproveita bem.
beijinhos e tudo a correr bem.

Crisani disse...

Ser mãe é, uma dádiva, um sentimento que bombeia o nosso coração o resto das nossas vidas...
Ser mãe é, ter um 7º sentido que nunca descansa, e que está sempre alerta inconscientemente...
Ser mãe é,ter calma e coragem para agir sempre que é preciso...
Ser mãe é estar sempre a aprender...
Aproveita a tua dádiva
bjs

Soltas as Palavras disse...

Concordo plenamente contigo CS, é um sentimento que vai crescendo e mudando de dia para dia. Queremos antes de qualquer outra coisa o bem estar dos nossos filhotes e assim que vemos ou sentimos que eles não estão bem sofremos. Ainda esta noite o meu que está com gastroentrite chorou penso eu que com dores de barriga peguei nele aconcheguei-o no meu colo e chorei também porque ele estava a sofrer, não consegui controlar as lágrimas preferia que me doesse a mim e nunca a ele. Logo lá vou eu para o médico.