ALICE

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Second Birthday tickers

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Se é feriado amanhã...

... sempre posso sair hoje. Tenho andado bastante refugiada no meu lar, doce lar. Apenas eu e a Grey com os seus amigos médicos. Apesar das saudades das pessoas reais que não vejo e pouco tenho falado, tem-me sabido tão bem o sofá e a manta. E o inverno é pouco mais do que isto... convida a ficar em casa.
Hoje largo a Grey e o sofá e vou ver o que se passa no mundo lá fora. Se alguém se magoar já sei trocar uma válvula do coração e colocar omoplatas no sítio.

Karen Elson - Marie Claire by Simon Burstall, June 2010

Agradável constatação

Impressão minha ou amanhã o despertador não toca?

Kat Dennings

Sótão

Sempre adorei... Dá-me uma sensação de protecção, como se fosse impossível alguém chegar lá.








Termina hoje

O estágio das minhas duas estagiárias da universidade termina hoje. As minhas manhãs serão, novamente, um pouco menos atribuladas e mais silenciosas... vou estranhar...

Liv Tyler: Liv For Love - Love #4 by Willy Vanderperre, 2010

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Facebook

Tenho página no Facebook há bem menos tempo que tenho o blog. Ao blog venho todos os dias, tenho mil e uma coisas para contar e partilhar. Ao facebook vou uma ou duas vezes por mês, fico a olhar para lá e nunca sei o que escrever no mural. Vejo algumas fotos de amigos, escrevo um ou outro comentário e regresso lá passado outro mês.
Há pouco abri a minha página e o que descobri eu? Que o Senhor Santo Cristo dos Milagres tem página com mais de 3000 amigos. Fiz a descoberta do ano e estou de queixo caído.

Prendas de Natal

Para quem ainda não comprou todas as suas ofertas de Natal,
para quem não sabe o que oferecer ao tio e à tia,
para quem não sabe onde encontrar o vinho preferido do chefe...

RESERVA - Wine & Tapas Bar

O Natal chegou ao RESERVA

No RESERVA já se sente o Natal...



O melhor do inverno

É ficar em casa à noite e não ter vontade nenhuma de sair. Adoro.

Liv Tyler - Vanity Fair, June 2008

Maybe not...

... maybe not...

... ou talvez é um amor falso...

Lanvin

Tanto já se falou mas eu não podia abrir boca, encontrava-me a cerca de 2000 km de distância do objecto de desejo e inveja.
Finalmente aproximei-me, toquei, observei e pensei: "Realmente um nome vende!"
Gosto do design de alguns, outros nem por isso, mas nenhum deles prima pelos acabamentos. Foram todos feitos em série, sem qualquer cuidado nos remates, nas linhas, nas baínhas. Acho que o intuito é esse mesmo. É mostrar que é possível descer o grande nome ao povo, à grande massa que veste pronto-a-vestir a preços económicos.
E nessa descida, desce tudo aquilo que pode encarecer um produto: os materiais e acabamentos. É muito show off para o que se oferece. Sou bem mais fã de alguns vestidos da ZARA e da própria H&M, mas não foram desenhados por Lanvin e isso já me coloca na lista out das most fashions da minha rua...


Acho que só quando olham uma para a outra descobrem o quão mediocres são os acabamentos.
Já muitos outros estilistas colocaram em suas colecções peças "inacabadas". A mim não me cativa...

P.S. Se chegasse a casa com um vestido desta colecção a minha mãe tinha um colapso e nunca mais me arranjaria uma baínha ou faria um acerto numa roupa made in Barricas da América.

Conversas no Metro

Uma das coisas boas de se andar no Metro é ouvir as conversas das outras pessoas. Não que me interesse saber da vida dos outros mas gosto de ouvir, imaginar as suas vidas, as suas personalidades...
A última conversa foi uma rapariga que falava ao telemóvel com uma amiga:

"Ah não sabes o que ele me disse hoje! Disse-me: Ah sou tão gay, tão gay, tão gay que virei lésbica. Agora adoro mulheres, são completamente louco por mulheres!"

Uma verdadeira epifania digna de registo.

Dita von Teese

Associação de ideias

Ontem tive de terminar a 2ª série da Anatomia. Quando B. olha para mim e vê-me lavada em lágrimas diz logo em tom repreensivo:
"Pões-te a ver essas coisas, depois choras, depois tens pesadelos, depois acordas mal disposta e passas o dia assim e depois quem sofre sou eu!" (como quem diz: "Depois é a mim que chateias a moleira!")
E é assim, eu sofro a ver a série e B. sofre na mesma sem ver um episódio sequer. Isto deve ser bom sinal não? Não será amor eterno? Eu acho...

Carole Lombard & Clark Gable - No Man Of Her Own

Presságio

O dia começou com água fria na moleira. Estou a fazer figas para que seja um presságio de uma semana bastante refrescante e não o sinal que vou levar com um "balde de água fria"...

Anne Hathaway by Mark Seliger

Jesus...

Vou deitar-me de coração partido...

domingo, 28 de novembro de 2010

Boas notícias atrasadas

Com a viagem para Lisboa ficou por partilhar o diagnóstico do meu fatídico carro. Assim sendo:
1- Já posso virar à direita pois o pisca já funciona para ambas as direcções. Vou poupar gasolina não tendo de condicionar o meu percurso a esta falha técnica. Manipulo adquirido numa sucata.
2- Já deitei fora a minha garrafa de água e já não tenho que rezar por aquela chuva ligeira (apenas um chuvisco que limpasse o vidro da frente) pois a bomba de água está reparada.
3- Vou deixar de chamar a atenção dos passageiros da minha viatura para trancarem cada um a sua porta ou de me esticar toda sempre que entro no carro para abrir as restantes portas. A bagageira passa a ficar sempre trancada (coisa que nem sempre acontecia) pois já tenho o motor do fecho centralizado. Sucata.

Com esta história toda já ganhei algumas ofertas de natal: direcção alinhada, tapetes novos, depósito com gasolina e 2 pneus traseiros.
Não há mau karma que me derruba com a família que tenho. Só faltava um auto-rádio mas já não o quero de maneira nenhuma. Se sem ele querem assaltar o meu carro, imagino com ele. Nannnn... eu canto! Adoro cantar, quem vai no lugar de passageiro é que não tem a mesma opinião do que eu...

Marion Cotillard

Não consigo parar...

Pois desde que cheguei a casa do almoço de família, com excepção de um momento ou outro ao telemóvel e estar com B., estive com os olhos presos ao écran do computador. Eu sei, eu sei que estou atrasada. Sei que vou a anos de luz de distância da maioria. Sei que onde vou já muito passaram há muito tempo atrás. Eu sei, eu sei disso tudo. Mas eu vou chegar lá. Vou apanhar-vos a todos, pois só hoje foram 5 episódios (2ª temporada). E não fico por aqui. Até B. chegar ainda devo conseguir mais 2, enquanto janto sem nunca desviar os olhos...
E a ansiedade? Os nervos? O medo que do está para acontecer...

É domingo

E o sol decidiu fazer-nos companhia, e acordo às 9h30 porque alguém passou uma informação falsa dizendo que já eram 11h30, e sinto-me leve por estar em casa, e apetece-me um dia de descanso e família. É domingo!

Emily Blunt

sábado, 27 de novembro de 2010

Experiência gastronómica inesquecível

Sou uma rapariga mais de salgados do que doces mas adoro algumas sobremesas, principalmente se levam citrinos ou ananás.
No mundo da blogosfera aprendi que existiam Macarons. Nunca tinha ouvido falar, nunca tinha visto. Falavam maravilhas e eu olhava para as imagens e pareciam-me artificiais e duros.
Entrando nos armazéns do Chiado vi uma banca a vender os ditos Macarons e eu achei que não queria passar mais um dia sem saber como eram. Havia muitos e perguntei à vendedora o que aconselhava para quem nunca tinha provado. Ela aconselhou o de canela.
É certo que custou 1,10€ mas foram muito bem gastos. Que delícia, que leveza, que sensação quase divina. Adorei! Pensei comprar uma caixa e trazer para S. Miguel. Queria que as minhas amigas provassem, que B. provasse. Depois tive receio que se esmagassem, que me esquecesse daquela caixa delicada e se partissem mais facilmente que uma caixa de ovos. Também pensei que ficaria caro e deixei esta experiência apenas para mim. Sorry...

P.S. Lembrei-me da Corisca e sei que ficará roída de inveja...

Rever amigos

Rever amigos e estar com pessoas que são tão importantes na minha vida é uma das coisas boas de visitar Lisboa tantas vezes. Os encontros são muito bem agendados para que eu consiga encaixar nos tempos que não estou no consultório a visitar uns e outros e matar todas as saudades possíveis. A quinta-feira foi passada por Oeiras, na sexta pude receber em "minha casa" num jantar patrocinado pela marca PINGO DOCE (como gosto desta cadeia de hipermercados).


E se P. quis dar a cara, passo a publicidade deste talentoso produtor de eventos e especialista em teatro e eventos de rua (espero não estar a cometer numa gaffe na designação das competências).

Dos céus...

... a minha verdadeira casa...





A "minha casa" em Lisboa

Desta vez não fiquei em casa de amigos. Desta vez, circunstâncias felizes, me levaram à "minha casa" no coração de Lisboa.
Aqui fiquei quase 2 meses quando fui operada. Aqui recuperei de uma cirurgia complicada. Aqui vivi com B. Aqui respirei Lisboa. Aqui fui tão feliz e sou sempre tão feliz quando volto. Fui a primeira inquilina e a ligação entre a minha história e a história desta casa estarão para sempre ligadas.

Sala

Entrada e cozinha

cozinha

Quarto de cama

Quarto de cama

Casa-de-banho

Um poema de Camões na cortina da casa-de-banho

Entrada

Vista para o Largo de Camões

Um mimo à minha espera

Localização da casa

Este espaço repleto de energias positivas e felicidade está ao alcance de todos aqueles que visitem esta maravilhosa cidade. Impossível encontrar um lugar mais central, impossível encontrar pessoas de maior confiança e tão atentas a pormenores que melhoram a estadia de quem por lá fica, impossível encontrar um lugar com tanto amor.


P.S. Como diz no site, os valores apresentados são indicativos. O melhor é sempre entrar em contacto e acordar dias e valores. Vão e sejam muito felizes.

Leitura na diagonal

Passei apenas os olhos pelos posts dos blogs que sigo. Reparei que tenho muitos para ler. Foram dois dias muito produtivos na blogosfera. Reparei também que a Neni voltou ou vi mal?

Do aeroporto

O facto de viajar quase todos os meses tem muitos inconvenientes mas também tem algumas coisas positivas. Uma delas é ter o cartão Silver da SATA e puder usufruir do check in executivo e depois ter acesso à Sala Blue Longue. Uma sala com televisão, internet, comida e bebida ao dispor, revistas e jornais, silêncio, poucas pessoas e muito descanso até que nos avisem que será feito o embarque.
Daqui a uma hora levanto voo rumo à minha ilha, à minha casa, ao meu amor. Os dois dias por Lisboa não podiam ter corrido melhor...




sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Alive

Post feito do telemóvel de um amigo. Amanhã já estou em casa.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Tensão

Sinto-me tensa, enervada, aborrecida e muito farta de certas atitudes. Assim sendo, apanhar amanhã de manhã o avião rumo à capital parece-me um motivo bastante aceitável para me levantar mais cedo do que o costume.
Vou ficar no coração de Lisboa, numa casa onde vivi dos momentos mais felizes e reveladores da minha vida, onde conheci o verdadeiro coração de B. e tive a certeza que ele estaria sempre do meu lado...

Zooey Deschanel

Uma fraqueza minha

Acho que no momento em que sou confrontada com determinadas realidades que considero profundamente injustas custa-me manter a cabeça fria. Não sou rapariga de desatar aos gritos ou ofender as pessoas mas começa-me a subir pelo corpo acima uma sensação de adrelina que me faz falar, falar muito. Argumento e contra-argumento com demasiada paixão, com os sentimentos à flor da pele.
Acho que devia ser mais fria e calculista, talvez ganhasse mais...
Mas isto tudo é um processo de auto-conhecimento e de crescimento. Nunca fui uma pessoa de dizer: "Ah, eu sou assim e vou morrer assim!" Eu estou sempre em processo de auto-conhecimento e gosto de limar arestas, gosto de me esforçar por diminuir os meus defeitos e fraquezas e tornar-me numa pessoa mais completa e menos imperfeita.
Se consigo? Isso é outra história que para aqui não é chamada!

Confesso

Sou uma fura-greves...

Eniko Mihalik: Eniko is Everything - Russh by Benny Horne, December/January 2010/11

Com licença, tenho que voltar ao trabalho. Muito trabalho hoje...

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Animal Print

O dia não prometia ser fácil. Tinha de vir camuflada de fera...

Mano G.

O meu carro é novamente alvo de um mau karma (e eu também) e o meu mano G. entra logo em acção para me salvar. Passou a manhã a resolver os problemas mecânicos.
Desta vez não está assim muito sujo, por isso, acho que não haverá surpresa adicional...

Zooey Deschanel

Estágio para a greve

Se a greve é amanhã não devia haver pelo menos um dia de estágio para que as pessoas (tanto as que participam como as que serão lesadas com o acontecimento) fizessem uma simulação da greve, como se fazem com simulações de atentados, incêndios, etc... Isto tudo para que o dia de amanhã corra na perfeição e que todos saibam o que fazer.
Isto é só uma opinião! Bastante válida (acho) mas só uma opinião!
Depois se houver encontrões e pessoas a chegarem tarde ao trabalho não se queixem. Tivessem ensaiado e tudo correria na perfeição.

Christina Hendricks - Mad Men Season 4 Promo

Em véspera de greve geral

Ouvi na rádio que não se fazia uma greve geral desde a Primavera de 1988. Que na altura a taxa de desemprego estava nos 5,8% e que agora ultrapassa os 10%. Que o Primeiro- Ministro era o Cavaco Silva que minimizou por completo a greve nas suas declarações e que, actualmente, como Presidente ainda não se pronunciou. Que a adesão teve um número de 1 milhão e 200 mil portugueses e que para amanhã espera-se por 2 milhões. Que a CP e Metro não vão ter os serviços mínimos assegurados.
É isto, nem sempre roupa e sapatos! Às vezes sai um pouco de actualidade política/social...


P.S. É favor atribuir uma margem de erro de 10% aos valores referidos acima. Ouvia a notícia enquanto caminhava e os carros passavam na rua, ou seja, com algum ruído de fundo.

Sinal de Sócrates

Esta noite não tive nenhum pesadelo mas andou lá perto.
Sonhei que o meu pai entrou em casa acompanhado de Sócrates para jantarem todos juntos e muito amigos lá em casa. Sócrates trazia na mão uns pratos grandes de vidro, dentro de um saco de plástico do modelo. Eram para devolver pois tinha levado do último jantar com restos de bolos e outras sobremesas.
Ele estava magro, muito magro e tão mais velho que na tv.
Ando a tentar decifrar o sonho e descobrir que mensagem está subjacente... ainda não cheguei lá mas não deve ser coisa boa, da maneira que o meu karma anda desequilibrado!

Cate Blanchett - Vogue by Annie Leibovitz, December 2009