ALICE

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Second Birthday tickers

sábado, 24 de setembro de 2011

Aulas de Preparação para o Parto

Às 26 semanas já começo a ver uma contagem decrescente em vez de uma contagem crescente. Com isso começo a pensar na minha preparação para o dia D., esperando que seja menos dolorosa que o próprio desembarque da Normandia...
Vou começar a pesquisar lugares onde se possa fazer um curso de preparação. Já recebi um e-mail da atenciosa irmã da Popita (ao qual ainda nem agradeci) e já soube pela minha cunhada que o dela custou 200€ há 4 anos atrás na Clínica do Dr. Carlos Ponte.
Pois bem, a Troika não nos permite pagar por algo que deveria ser gratuito a todas as futuras mães. Como sou rapariga obediente preciso de contactos de lugares onde seja possível aprender tudo o que nos espera sem que seja duplamente doloroso: o facto de anteciparmos um momento de grande tensão e o facto de pagarmos muito para o antecipar.
Este é o meu apelo a quem souber de sítios em S. Miguel onde possa aprender a respirar e a fazer força, mesmo que no dia entre em pânico e comece aos gritos.

P.S. Às vezes penso que estas aulas de preparação para o parto assemelham-se às aulas de defesa pessoal. Aprendemos tudo muito bem, em passos ensaiados e sincronizados, depois chega ao dia em que somos atacados e desatamos a chorar e a entregar tudo o que temos dentro da mala com um: "Por favor, não me faça mal."
Mais coisa menos coisa, este será o cenário, mesmo na maternidade...

11 comentários:

Almofariza disse...

Eu não fiz as aulas, não porque não quissesse mas porque não tive mesmo tempo. Isto de se trabalhar na "aldeia" por vezes tem os seus inconvenientes. Mas resolvi o caso de outra maneira, pedi à minha irmã que fez as aulas que me ensinasse as 3 respirações, e digo-te que me ajudou IMENSO. Treinava todos os dias e quando chegou a hora funcionou direitinho!

Tive uma experiência fantástica do parto, e no tempo em que não havia epidurais para ninguém!
É certo que pedi uma drogazinha fantástica que se chama Petidina, porque eu nestas coisas acho que se elas existem é para se tirar proveito delas ;)

E no fim, acabei por achar que já tinha tido dores menstruias bem piores do que o meu parto!

Beijinhos e cadês
Almofariza

Porque um dia me perdi... disse...

Minha Querida Cha Verde...O teu ultimo pensamento foi o que me ocorreu logo no inicio do Post. Eu já sou mama e nunca fiz preparaçao pre-parto. Talvez porque na altura se fala-se pouco, nao sei ( ha 7 anos), ou talvez por ignorancia minha. No entando correu tudo muito bem...isto porque tive uma medica parteira e enfermeira 7 estrelas. Varias conhecidas que fizeram o curso transmitiram a ideia de que na hora esqueces tudo. Terá no entanto as suas benesses...Por isso...sou a favor...Como se costuma dizer mal nao faz. Aqui no Porto a minha colega frequentou aulas de preparaçao para o parto no proprio Centro de Saude. Ja te informaste lá?

Flutuações da mente disse...

Vai correr tão bem que vais começar a pensar no próximo :-)))

CoriscaRuim disse...

Diz Amiga Macaquinha, que não teve aulas de preparação, que as dicas dadas pela irmã (que teve as ditas aulas) ajudaram...
Mas também conheço muita gente que, na hora H, esqueceu-se de tudo e quis foi por os rapazes ao mundo...
Portanto, a escolha é tua :p

Anónimo disse...

olá CS
Só te posso dizer que não tive aulas de preparação para o parto à 4 anos atrás quando a minha filha nasceu e sinceramente acho que não me fizeram falta.
Curiosamente no mesmo dia tiveram os seus rebentos duas conhecidas minhas que tinham tido as ditas aulas e que por força das circunstâncias tiveram os seus bebés por cesariana, ou seja, acabaram por não por em prática o que tinham aprendido nas aulas.
Também acho que essas aulas são muito caras.
Informa-te bem e boa sorte.
E a nisca já tem nome?

PS. Gosto muito do teu blogue
Bjs e boa sorte

CS disse...

Obrigada a todas pelos conselhos.
Vou tentar ver nos centros de saúde quem me acolhe gratuitamente, caso contrário, a minha prima Mari ensina-me a gritar como se não houvesse amanhã :))

Jordão disse...

Pergunto à minha P para perguntar a uma amiga dela (a F) que ela está a ter essas aulas nessa altura, por isso deve saber muita coisa.

Jordão disse...

Ah! Eu podia era dar umas aulas ao teu "B" de como transportar uma gravida!

Clínica Dr. Carlos Ponte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paula disse...

Minha querida Cláudia eu fiz as aulas de pré-parto e relativamente à respiração de nada me serviram pq o Diogo nasceu de cesariana :)
Ajudaram sim a compreender muitas outras coisas, a estar com outras mulheres que já estavam tão "gravidíssimas" como eu, enfim... eu recomendo. Há tb a parte da amamentação, os exercícios p relaxares o corpo, as costas. Vale a pena, acredita q sais de lá mais leve ;) se é q isso é possível com uma barriguinha já desse tamanho. (cá há privada e hospital, tu não és ADSE? são muuuito comparticipadas)

Catarina França disse...

Olá Paula,

Eu como Profissional a trabalhar na Obstetrícia, gostaria de lhe dizer que à minha prática clínica, tenho verificado que as Puerperas após cesariana, que frequentaram Aulas de preparação para o parto e para a parentalidade, estão muito bem preparadas e tem utilizado as regras de ouro que lhes é ensinado, e aquando do levante e das mobilizações, utilizando as respirações de relaxamento, reduzindo em grande parte a dor e os receios com a sutura... percebo que num pós-parto a mulher está numa fase muito sensível da sua vida e que nunca passou por tal experiência anteriormente, em que tudo é uma novidade e o desconhecido provoca Stress... Pelo que as aulas vão fazer com que o casal grávido reflicta sobre o que poderá acontecer, o que é normal e o que não é, e dar estratégias para ultrapassar certas situações que normalmente provocam muito stress ao casal, principalmente quando este regressa a casa...

Devo dizer que quem tem a possibilidade de frequentar as ditas aulas, que o faça, pois virá a beneficiar em muitos campos, tais como físicos, psicológicos e nos cuidados consigo e com o seu filho....

O casal grávido, ao frequentar as aulas, deve não só praticar o que lhes é ensinado aquando das aulas, entre paredes da sala de aulas, mas sim e também, no seu domicilio, pois assim estará a praticar o que aprendeu e já não corre o risco de se esquecer no momento que necessitar do que aprendeu, rentabilizando assim os gastos monetários que tem com as mesmas...

Mais uma vez aconselho vivamente que frequentem as aulas de preparação para o parto e para a parentalidade, que neste momento só existe no privado, pelo menos que eu tenha conhecimento, em Ponta Delgada.

Para mais alguma duvida e esclarecimento aqui estarei...
O meu muito obrigada
Jinhos doces