ALICE

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Second Birthday tickers

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Leite de Vaca depois dos 12 meses

Na consulta dos 12 meses tivemos indicação da pediatra para introduzir o leite de vaca gordo. Assim o fiz como mãe muito atenta a todas as indicações da nossa pediatra.
Durante 2 semanas dei leite gordo de vaca à Alice, não tendo ela qualquer problema de adaptação, alergia ou alteração nas fezes.
Contudo, não me sentia segura desta decisão. Ouço falar enfermeiras e outros médicos que quando mais tarde a introdução do leite de vaca melhor. Ouço que a partir dos 18 meses é a altura mais indicada. Leio que o leite de vaca impede a absorção do ferro, que é uma sobrecarga para os rins mesmo depois dos 12 meses, que pode haver perdas de sangue imperceptíveis levando à anemia.
Ontem falei com B. e disse-lhe que queria voltar para o leite adaptado. Neste período a Alice passou a beber mais leite (acho que ficou fã do leite de vaca) e tenho muito medo que seja uma dose excessiva para o seu organismo.
Em média estava a beber 1 biberão antes de dormir à noite e 2 durante a noite (as noites complicadas de acordar muita vez ainda não terminaram). Durante o dia 2 iogurtes e às vezes 1 papa. É muito mais do que os 500 ml indicados pela pediatra.
Assim sendo, e trocando os 0,65€ pelo nosso belo pacote de leite açoriano, voltámos ao Aptamil 1 de quase 14€.
Sinto-me mais descansada com esta decisão. Assim será, garantidamente, até à próxima consulta dos 15 meses. Depois veremos se a pediatra me convence a passar ao leite de vaca.

O que dizem os vossos médicos? Que decisão tomaram?

Já lá vai o tempo. Até aos 9 meses ela ficou com o melhor possível :) Por minha decisão (gritei a minha independência mamária e queimei os soutiens de amamentação) passámos ao leite adaptado.

12 comentários:

Ela disse...

Acho que estás a exagerar também. dá-lhe meio gordo.

Cat disse...

Do meu primeiro filho era Deus no céu e pediatra na terra, seguia cegamente as suas indicações e houve coisas que não correram bem à conta disso. Desta vez, com os gémeos sigo muito mais o meu instinto. Beijinho

Mada disse...

A Margarida aos 15 meses passou do leite de fórmula para o leite de vaca gordo, conforme a indicação da pediatra. Notei que até ficava mais satisfeita. Tomava um biberão de manhã e outro á noite, ao lanche, por vezes um iogurte,aos dois anos passou para o leite meio gordo.E ate agora tem corrido tudo muito bem.MAs cada caso é um caso e cada mãe é que sabe o que é melhor para o seu filho.beijinhos. MAda

Jardim de Algodão Doce disse...

A pediatra dos meus filhos que é a mesma nunca recomendou o leite gordo - mas sim o meio gordo. Com primeiro desde os 12 meses que bebeu o leite do dia da vigor meio gordo. Com o segundo filho ele era alérgico à proteína do leite de vaca e até aos 12 meses teve de beber leite hidrolisado. Agora a partir dos 12 experimentei o leite do dia Vigor meio gordo e outro da mimosa dos 1-3 anos, mas o cocó dele fica muito pasta, muito mole, brilhante e muito mal cheiroso. Optei por iniciativa minha dar o S-26 III, um leite para ser dado a partir dos 12 meses. Penso que deves seguir o teu instinto contudo talvez seria melhor dares um leite adaptado e de acordo com a idade da bebé. O aptamil 1 é adequado às necessidades do bebé até aos 6 meses de vida não é? Em relação aos iogurtes, por norma não dou todos os dias, e só dou um por dia. Alterno com papas de fruta e papas de leite. Espero ter ajudado.

CS disse...

Obrigada pela vossa ajuda.
Dou o Aptamil 1 por indicação da pediatra quando ela começou a beber leite adaptado aos 9meses. Ela disse-nos que os leites de crescimento (2, 3 e seguintes) tinha muitos açucares e era também mais marketing que outra coisa. Mandou-nos manter o 1 até passar para o leite de vaca - gordo.
O iogurte costumo dar todos os dias ao lanche, de vez em quando é que vai a papa. Tem a ver com a hora do lanche. Como ela janta cedo, se o lanche for pelas 17h já não dou a papa porque depois não tem fome para a sopa à hora que costuma jantar e ir pra cama. É pela hora que decido ora iogurte (2 pois com 1 ela grita que quer mais) ora a papa.
Voltei ao leite adaptado...

CS disse...

Mada, não sei se a Alice fica mais satisfeita, apesar de achar que ela gosta mais. O que acho é que passou a querer mais durante a noite. Ela bebe um antes de dormir e depois durante a noite ainda pedia mais 2 biberões. Fiquei preocupada se não seria muito.
No teu caso ela só bebia 1 de manhã e 1 à noite e aos 15 meses. A minha indicou aos 12 e sinto que será um pouco cedo.
Bjs a vocês. Ao tempo que não dizias nada :)

Rui Pedro disse...

Cara Chá verde,

Pela sua descrição acho que a menina está a beber demasiados biberões durante a noite.

O meu filho deixou cedo o biberão, mas consome leite e derivados regularmente. O leite que sempre bebeu é o que costumamos ter em casa, meio gordo.

Agora deixando os miúdos de parte, embora reconheça as diversas qualidades do leite de vaca estou cada vez mais avesso ao mesmo e tenho vindo a reduzir gradualmente o seu consumo. Não é fácil, tal é a forma que o leite e derivados estão presentes na nossa alimentação.

Existem diversos problemas associados ao seu consumo, que consideramos normais e que advêm da nossa intolerância à lactose. Uns mais do que outros.

Uma coisa é certa, nós somos os únicos mamíferos que ingerimos leite durante toda a nossa vida e para mais, leite específico para a espécie bovina...

Anónimo disse...

Acho que o melhor é pores estas dúvidas à pediatra por mail, ela melhor que ninguém irá te orientar! O Afonso começou com leite gordo aos 12 meses (mas como ele é gordinho) perguntei lhe se não seria melhor o meio gordo e ela disse que não, porque o gordo tem todas as características que ele precisa! Então ele bebe de manhã,dou 2 iogurtes no lanche e à noite só bebe se não janta (pk ele janta pelas 18:30 e depois adormece pelas 20:30). Mas o Afonso já não bebe de biberão, por isso não sei se consegui ajudar te. beijinho
Vânia da Graça

CS disse...

Caro Rui Pedro, pois sei que lhe dou mais leite que o recomendado pela pediatra - 2 biberões de 250ml. Muitas vezes lá vai um 3º nas noites mais irrequietas onde um biberão a ajuda a acalmar.
Sei que nisso também tenho um caminho a percorrer e a não socorrer-me tanto do biberão...
Estamos a aprender, é o que posso dizer.

P.S. Muito obrigada pelos comentários de um pai. Não é nada usual neste espaço :)

CS disse...

Vânia, a minha já disse o que achava.
Leite Gordo sem qualquer problema.
Apenas o máximo de 500 ml em leite e/ou derivados.
Nada de biberão para ir para a cama se comeu sopa há menos de 3 horas.
Nada de biberão durante a noite que ela está preparada para aguentar 12h durante a noite sem comer.

Pronto, tão simples e tão difícil para mim...

Jardim de Algodão Doce disse...

Depende mesmo dos miúdos. O G. Tem 16 meses, bebe um biberão de leite com 300 ml de manhã, ao lanche come iogurte ou papa com leite. À noite, só bebe biberão se acordar para comer. Antes de ir para a cama n bebe. Ele janta pelas 19h30 e adormece pelas 21h30. Se acorda de noite também não bebe mais que um biberão e aí bebe cerca de 270 ml.

soltaspalavras disse...

É sempre um dilema sabermos se estamos ou não a fazer bem aos nossos filhotes e se estamos a tomar a decisão mais correcta. Pois o meu Santi começou por beber meio gordo 2 semanas e depois introduzi o gordo por indicação do médico, mas eu pessoalmente acho o leite gordo muito pesado e então conversando com algumas pessoas indicaram-me o leite da Mimosa 1 aos 3 anos e é esse que lhe dou cada pacote custa penso que 1.34 € ele adaptou-se super bem e já falei com o pediatra e disse-lhe que lhe estava a dar esse leite e ele nada me disse. O meu filhote tem dias que de manhã bebe leite, outros papa por isso acaba por beber mais leite é de noite antes de ir para a cama bebe 300ml.Bjs