ALICE

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Second Birthday tickers

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Queres namorar comigo?

Eu pensava que nos dias de hoje já ninguém com idade fora do ensino básico pedia alguém em namoro. Achava que já não se usava. Achava que as pessoas se encontravam, andavam juntas e se permanecessem quase diariamente com a mesma pessoa, assumido algo com características monogâmicas, que eram namorados, ou quase, ou amigos coloridos ou outro nome qualquer.
Não acredito que uma categoria defina uma relação, que dizer "namorado" ou "namorada" defina uma relação a dois, que dizer "amigo ou amiga colorida" defina outra relação. Acredito sim nos sentimentos, nas palavras sinceras que se possam trocar. Contudo, há uma necessidade humana de definir tudo, de categorizar, de nomear de forma a que o entendimento entre as pessoas possa ser mais claro.
Ontem soube de alguém que pediu outro alguém em namoro. De duas pessoas adultas que sentiram a necessidade de saber em que espaço caminhavam e o que podem esperar da outra pessoa. Ontem alguém disse: "Queres namorar comigo?" Ou "Queres ser a minha namorada?". Achei bonito e lembrei-me que fui pedida em namoro há 4 anos atrás, já eu tinha mais de 30 anos e achava que nunca ninguém me perguntaria isso. Podia até imaginar, algures no futuro, um pedido de casamento mas nunca um pedido de namoro. Eu disse sim, claro! Sim! Sim!

4 comentários:

Pips disse...

Eu também fui pedida em namoro! E tive amigas que gozaram comigo porque diziam que isso já não se usava, que não andávamos na primária, etc. Mas a verdade é que eu adorei o gesto, e depois de uma relação conturbada que tive no passado, foi a melhor coisa que me podia ter acontecido, ter alguém sem medo de usar as palavras, de demonstrar sentimentos, de querer pôr rótulo ou catalogar a nossa relação, porque tudo o que eu menos queria era algo indefinido.
Continuo a achar lindo que se peça em namoro... mas isso sou eu que sou uma romântica crónica!
P.S- e aposto que as minhas amigas também adoravam que lhes acontecesse isso a elas.. ahahah!!!

CS disse...

Parabéns! :) Todos nós gostamos de saber em que piso estamos a caminhar. A resposta não está em pedir-se em namoro ou não mas definir as coisas ajuda.

CoriscaRuim disse...

Pôooo..Eu não fui pedida em namoro :(

Ele simplesmente começou a chamar-me de "petite copine" no primeiro dia. Depois é que vim a saber que significava namorada...Mas nunca me perguntou " do you want to compinez moi?"...Bastard!
...Vou já terminar tudo e obrigá-lo a pedir-me para "compinarmos" como deve de ser!

CS disse...

Trata já disso! Tem que haver pedido!